top of page

Tarcísio de Freitas se despede do MInfra com grande legado para o setor portuário


O setor portuário brasileiro vive um novo momento com o crescimento da exportação das commodities e com o incentivo da cabotagem. Esse legado deixado por Tarcísio de Freitas foi lembrado hoje durante a transmissão de cargo para Marcelo Sampaio, então secretário-executivo da pasta. A cerimônia aconteceu no auditório do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), em Brasília, e, entre gestores de portos e diversas autoridades, esteve a presidente Mayhara Chaves, representando a diretoria da Companhia Docas do Ceará.


Pela manhã, em solenidade no Palácio do Planalto, Tarcísio de Freitas declarou que: “A gente vai ter, no futuro, uma matriz de transportes muito mais equilibrada, com a participação muito maior da navegação de interior, da navegação de cabotagem, do transporte ferroviário, que vai dobrar a participação, teremos uma oferta de transporte muito maior”. Cabe destacar que, depois das commodities, o mercado de contêineres é o que mais vem crescendo. Nos últimos 40 meses em que esteve à frente do MInfra, Tarcísio de Freitas, juntamente com os secretários Marcelo Sampaio e Diogo Piloni, não mediu esforços para que todos os modais (portuário, aeroviário e ferroviário) se tornassem competitivos.


“Com o apoio do Ministério da Infraestrutura, conseguimos avançar em processos que estavam parados há anos e que durante a sua gestão saíram do papel. As concessões em curso injetarão recursos no caixa da companhia para a realização de investimentos necessários em infraestrutura portuária”, ressalta Mayhara Chaves, acrescentando que “estou confiante de que o novo ministro da pasta, Marcelo Sampaio, ampliará ainda mais as ações realizadas até aqui, promovendo novos avanços tão necessários para o crescimento deste setor. Sua atuação junto aos gestores vem sendo marcada pela cordialidade e agilidade nas resolutividades das nossas demandas”, finaliza a diretora-presidente da CDC.



Comments


Commenting has been turned off.
bottom of page